domingo, 7 de fevereiro de 2016

Modelo protesta após ser proibida de usar tapa-sexo ‘Fora Dilma’ e é expulsa de desfile e agredida; veja


Imagem: Reprodução/Youtube
A modelo Ju Isen, destaque da Unidos do Peruche no Carnaval 2016 de São Paulo, foi expulsa da avenida por despir parte de sua fantasia, em protesto após ser impedida pela escola de usar um tapa-sexo com a imagem da presidente Dilma Rousseff. A agremiação a obrigou a sair vestida com um comportado macacão cor da pele pelo Anhembi. Veja o vídeo:


Em imagens exibidas pela TV Globo, a modelo apareceu se despindo do macacão em pleno desfile, jogando parte da fantasia no chão e deixando os seios à mostra. Na sequência, foi rapidamente retirada da avenida pelo presidente da Liga das Escolas de Samba, Paulo Sergio Ferreira, o Serginho. Após sair do desfile, Isen contou ao UOL que foi agredida por integrantes da escola. "Me jogaram no chão. Estou toda sangrando no pé. A mulher me deu um pescoção, um empurrão, me pisotearam, me chutaram, entendeu? Não sei se vou na delegacia, vou ver com a minha assessoria o que é melhor para fazer porque não vou ser agredida assim".

Em entrevista ao UOL minutos antes do desfile, Isen contou porque queria usar o tapa-sexo. "A minha fantasia é a repudia que todos nós brasileiros temos pela presidente da República, por toda a corrupção, falta de segurança, falta de escola, falta de hospitais. Eu vim realmente para manifestar". 

Veja o comentário do jornalista João Lima sobre o caso:









UOL
Editado por Folha do Povo
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...