quinta-feira, 3 de julho de 2014

Vídeo mostra momentos da tragédia e do resgate após queda de viaduto; cenas são fortes


Imagem: Reprodução
BELO HORIZONTE — Um viaduto feito com recursos do PAC Mobilidade desabou nesta quinta-feira e atingiu dois caminhões, um carro e um ônibus. De acordo com o Corpo de Bombeiros, pelo menos uma pessoa que estava no ônibus morreu e outra que estava no carro encontra-se inacessível, embaixo de parte da estrutura. A Secretaria de Saúde de Minas informou que duas pessoas morreram e 22 estão feridas. Foi decretado luto oficial de 3 dias na cidade, de acordo com o prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda. Veja abaixo:


O Fiat pertenceria à locadora de veículos Localiza, o que levanta a suspeita de haver turistas entre os feridos. Além de uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), foram deslocados para o local oito viaturas do Corpo de Bombeiros.

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra o desespero dos passageiros instantes após o acidente. Pedestres verificam o estrago nos veículos atingidos pela estrutura.

Localizado na avenida Pedro I, na região da Pampulha, em Belo Horizonte, o viaduto faz parte do projeto de duplicação da Pedro I, que inclui a implantação do BRT-MOVE, os ônibus articulados. A obra é considerada um dos principais legados da Copa do Mundo, mas não ficou pronta a tempo para o torneio. Ela é de responsabilidade da Sudecap, autarquia da Prefeitura de Belo Horizonte.

Em entrevista à Globo News, o prefeito Marcio Lacerda afirmou que a circulação de carros sob um viaduto em construção "é normal".

- Estamos identificando as vítimas e suas familias para que tenham assstência. Depois de tudo apurado, certamente vai se decobrir algum erro, mas nesse momento, toda a assistência às famílias é mais importante - disse Lacerda.

O prefeito afirmou que não é possível saber se houve falha do projeto ou de construção. Ele declarou que a obra não era de responsabilidade da prefeitura, mas de uma empresa "renomada, de grande porte e de muita tradição".

- O viaduto não estava ainda entregue à Prefeitura. Um inquerito judicial será lançado, pois houve vitimas.

Com trechos de Ezequiel Fagundes e Jáder Rezende, especial para O Globo
Editado por Folha do Povo
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...